Dino, o mascote d'O Muro

segunda-feira, 8 de outubro de 2007

TRAGÉDIA MOMINA


Fantasiado de Rei, o alegre homem gordo foi brincar o carnaval. Pisou as mãos das criancinhas e os pés dos homens descalços. Cuspiu na cara dos que dele se aproximaram. Dançou, sozinho e absoluto. Por fim, uns magros passistas, fantasiados de guaranis, espetaram lanças na pança de Momo.


Nilto Maciel é autor de Carnavalha, seu oitavo romance, cuja capa ilustra o miniconto acima. Além de romances, tem ainda publicados oito volumes de contos, como o Pescoço de Girafa na Poeira, composto também por minicontos.

Nenhum comentário: