Dino, o mascote d'O Muro

terça-feira, 30 de novembro de 2010

RELAÇÕES POR UM FIO


– Pai, vem brincar comigo.
– Hoje não dá, filho. Outro dia.
E os dias prometidos nunca aconteciam.
Passaram-se anos. Os papéis se inverteram.
– Vem me visitar, filho.
– Outro dia, pai. Hoje não dá.
.
gORj

4 comentários:

alexandre guardiola disse...

putz, que verdade que doi... muito bom.

Angela disse...

muito bom e muito triste!

Angela disse...

Hoje contei este teu conto a algumas pessoas, por causa de um evento triste desta noite. O conto vai ficar correndo por aí...

Rosana disse...

As pessoas estão se esquecendo de valorizar a mais preciosa obra Divina:O ser Humano.

Na correria, perdemos!.