Dino, o mascote d'O Muro

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

REVISTA PERIFÉRICA: UM ACHADO PERDIDO


Pena ter acabado. Deixou, porém, excelentes textos. Como estes minicontos:

Um comentário:

Angela disse...

Contos maravilhosos! Ultimamente tenho um sentimento nada agradável. Me parece que a vulgaridade banal e pobre toma conta de tal forma do mundo que acaba com todas as coisas de valor e qualidade. Como uma revista com esta termina assim... sem mais e as "caras e quems" da vida permanecem e crescem?
Vou encomendar estes numeros que eles ainda oferecem. Obrigada querido fuçador de micros!