Dino, o mascote d'O Muro

segunda-feira, 12 de novembro de 2007

FRATERNIDADE

Um tigre e sua tigresa foram escolhidos por Noé para ocupar um lugar na arca. O tigre rogou a Noé que deixasse levar seu irmão. Noé disse que era impossível porque Deus tinha proibido. Quando a arca navegava nas ondas enfurecidas, o tigre tranqüilo no convés, parecia sorrir. Nem Deus, nem Noé nunca souberam que o tigre, para poder levar seu irmão, o havia devorado um dia antes de entrar na arca.
.
Jairo Aníbal Niño
Escritor colombiano. Autor de A Alegria de Gostar e Contos Povoados de Povo (amostra acima), Editora Paz e Terra.

2 comentários:

Angela disse...

Lindo! Nem Deus daria solução melhor!
E, que lindos os títulos dos livros!!!

Angela disse...

Esta resenha eu ainda não havia lido em Minguante. Que beleza o conto-poema que traduziram! E aí está a questão, onde e como conseguir o livro?