Dino, o mascote d'O Muro

sexta-feira, 19 de junho de 2009

FRUSTRAÇÕES LITERÁRIAS


MARGINAL
Sem grana para publicar seus livros, o escritor apelou para um recurso tão eficaz quanto delinqüente.
Até ser apanhado em flagrante, fez dos muros da cidade as suas melhores páginas.


LIVRO DE ESTRÉIA
Não se contentou em apenas escrevê-lo.
A capa, quem elaborou?
O autor e ninguém mais.
Quem fez a diagramação?
O autor e ninguém mais.
Revisão, prefácio, quem?
O autor e ninguém mais.
Quantos se interessaram pelo livro?
O quê? Só o autor?!
E ninguém mais.

wgorj+Simplicíssimo

4 comentários:

Anônimo disse...

hei, wilson, que tal a gente trocar nossos livros?

giovani iemini

Cynthia Lopes disse...

Sabe que você me deu uma boa idéia!
bjs

Angela disse...

Se está falando de vc e de seu novo filhote, bom conto mas,
mennnnnnntiiiiirrrrraaaaaaaaa!
Muitos se interessam e se interessarão pelo livro, lindo, bem escrito, de alta qualidade estética em todos os sentidos, até no sexto!
parabéns querido Wilson!
sempre em frente!

Alejandro Ramírez disse...

Los dos son impresionantes. Marginal es delirante e imaginativo. Livro de estréia es sensasional.

Me gusta el estilo.

Saudaçãos, Wilson.