Dino, o mascote d'O Muro

sexta-feira, 17 de junho de 2011

DISCÍPULOS DE WERTHER






1. Do medo do fogo, nasceu sua atração pela água; do desprezo pela vida, o interesse pela morte.
Atração e interesse que explicam perfeitamente seu afogamento suicida.

2. Indo ao cais, despiu-se e mergulhou.
Enquanto se afogava, a visão de suas roupas a salvo revelou a estupidez do seu gesto. “Câimbras", deduzirão. E sua morte voluntária não passaria de mera fatalidade.

3. A vida reservava-lhe um futuro promissor. Mesmo assim cortou os pulsos debaixo do chuveiro.
Todo seu futuro foi pelo ralo.



gORj

Um comentário:

Angela disse...

Parecem que são a mesma história continuada. Trágico, triste, mas acontece.
Que bom te ler novamente!