Dino, o mascote d'O Muro

sexta-feira, 18 de julho de 2008

PERDIDO NO ESPAÇO

Na esperança de ver um disco voador, andava sempre olhando para o céu.
Deu com a cabeça num poste. Só viu estrelas.

4 comentários:

Rynaldo Papoy disse...

A despeito de estar hoje pra lá de Bagdá, gostei dos textos. Abraço!

Angela disse...

Gostei muito de todas as histórias e fica uma pergunta: voc~e sabe onde fica o esconderijo do tempo? Podíamos fazer uma limpa em seu arsenal de coisas boas!
Afinal, ladrão que rouba ladrão...

um abraço forte.

Wilson Guanais disse...

sempre muito gratificante passar por aqui.
abraço

Aline Gallina disse...

haha... ótima tirada. Já estava com saudades de escalar seu muro. Aqui tá ótimo como sempre!
Bjo.