Dino, o mascote d'O Muro

quinta-feira, 26 de julho de 2007

PEQUENAS HISTÓRIAS, GRANDES AUTORES

ANÚNCIO
“Vende-se: sapatos de bebê. Nunca usados.”
Ernest Hemingway

CARNAVAL
Lara, mundana perfumada, disse a D. Olívia, mulher piedosa, que um dia havia de ser como ela. Só estava esperando que lhe acabassem as “festas da carne”...
Aníbal M. Machado

EPITÁFIO
Um hindu lutou muito tempo contra a corrente que carregava seu barco para a catarata. Quando o grande lutador compreendeu que todo esforço era em vão, cruzou os remos e se pôs a cantar...
Ah! Que a minha vida se torne este canto: “Não espero mais. Não creio mais. Sou livre!”
Nikos Kazantzakis

O SISTEMA
que programa o computador que alarma o banqueiro que alerta o embaixador que janta com o general que ordena ao presidente que intima o ministro que ameaça o diretor-geral que humilha o gerente que grita com o chefe que pisa no empregado que despreza o operário que maltrata a mulher que bate no filho que chuta o cachorro.
Eduardo Galeano


A ÁRVORE ETERNA
Ela foi plantada do Éden, há seis mil anos. Era uma boa macieira, de sombra refrescante e fruto ácido, com um interessante diabo, em forma de cobra, enrolado no seu tronco, para enfeitá-lo ainda mais, como uma pulseira num abraço. E tinha um encanto máximo, essa Árvore: o de ser proibida. Por isso mesmo, houve dentadas no seu fruto e beijos na sua sombra; e, no seu tronco, alguém gravou um coração com estas iniciais dentro: “A.E.”...
Guilherme de Almeida

MENTIRAS
“Eu minto. Minto sobre o passado, sobre o presente e o futuro. As mentiras saem de mim de forma tão natural, que se incorporam à minha vida com o peso de experiências. Filmes que não vi, lugares que não visitei, mulheres que não tive, presentes que não ganhei, sofrimentos que não passei. Minto assim, sem nenhum charme. Diria mesmo que, vez por outra, os acontecimentos são mais interessantes que as mentiras que coloco no lugar. Minto pra cacete. Minto inutilmente. Minto de me envergonhar. Agora mesmo eu nem sei se estou falando a verdade...”.
Fernando Bonassi

Nenhum comentário: